A literatura da Cris


Realismo / Naturalismo

Entre no link do Mundo Cultural. Procure na "barra de ferramentas" o item LITERATURA. Do lado esquerdo, entre no ícone HISTÓRIA DA LITERATURA e em seguida REALISMO / NATURALISMO.

Escrito por Cris às 21h41
[   ] [ envie esta mensagem ] [ ]




Romantismo

Entre no link do Mundo Cultural. Procure na "barra de ferramentas" o item LITERATURA. Do lado esquerdo, entre no ícone HISTÓRIA DA LITERATURA e em seguida ROMANTISMO.

Escrito por Cris às 21h37
[   ] [ envie esta mensagem ] [ ]




Exemplo de exame final (2ª série)

Em todas as frases que seguem, você deve:
a) no espaço destinado à avaliação, escrever: CORRETA ou INCORRETA;
b) fazer um breve comentário sobre sua avaliação (em todos os casos) e sobre o conteúdo da frase (pode-se acrescentar outras informações) (2,0).

1) O texto que segue pertence a Gregório de Matos Guerra:

Ardor em firme coração nascido;
Pranto por belos olhos derramado;
Incêndio em mares de água disfarçado;
Rio de neve em fogo convertido:


Tu, que em peito abrasas escondido;
Tu, que em um rosto corres desatado;
Quando fogo, em cristais aprisionado;
Quando cristal, em chamas derretido.

Pode-se dizer que neste texto encontramos as seguintes características: dualidade temática da sensualidade e do refreamento, construção sintática por simetrias sucessivas, predomínio figurativo das metáforas e pares antitéticos que tendem para o paradoxo.



2) Cláudio Manuel da Costa é considerado um poeta de transição por realizar uma síntese entre a herança barroca, os ideais arcádicos e as solicitações do sentimento nativista; já a produção poética de Tomás Antônio Gonzaga demonstra sintonia com a tradição árcade da vida simples, apego à vida pastoril e divinização da mulher.

3) Leia o trecho que segue:

A flor da mocidade profanei-a
Entre as águas lodosas do passado...
No crânio a febre, a palidez nas faces,
Só cria no sepulcro sossegado!

Este texto pertence a Gonçalves Dias pela temática ligada ao byronismo, à morbidez e à negação do presente. Logicamente não pertence a Álvares de Azevedo porque este autor estava vinculado ao condoreirismo e à luta social, acreditava no ato poético como uma missão maior. Também não é um texto de Castro Alves, pois ele apresenta uma obra de temática indianista e um nacionalismo ufanista.

4) José de Alencar tomou a si a tarefa de construir as bases da nacionalidade brasileira. Mas o fez não nos moldes clássicos da epopéia, e sim na forma de romance, que passou a ser a que melhor iria expressar os anseios da burguesia. Com esse propósito, escreveu O guarani (1857) e Iracema (1865).

5) “Ao verme que primeiro roeu as frias carnes do meu cadáver dedico com saudosa lembrança estas Memórias Póstumas.”
A frase que abre o romance com que Machado de Assis inaugura o Realismo no Brasil dá a perceber que, nesse livro, a transição entre os pressupostos românticos e os naturalistas reflete-se na oscilação entre uma visão de mundo ainda subjetiva e outra, já totalmente objetiva.


Escrito por Cris às 21h18
[   ] [ envie esta mensagem ] [ ]




Exemplo de exame final (1ª série)

Em todas as frases que seguem, você deve:
a) no espaço destinado à avaliação, escrever: CORRETA ou INCORRETA;
b) fazer um breve comentário sobre sua avaliação (em todos os casos) e sobre o conteúdo da frase (pode-se acrescentar outras informações) (2,0).

1) É possível observarmos em alguns tipos de cantigas certas considerações acerca da sociedade medieval: costumes, moral, relações humanas, a História, crendices, etc. Isso fica mais evidente nas cantigas satíricas do que nas líricas.


2) Camões revitaliza uma herança recebida e impõe um padrão dentro do novo modelo literário.

3) A palavra não foi, para Padre Antônio Vieira, um instrumento de ação social e política. O seu único objetivo foi a catequização dos indígenas brasileiros para a promoção da Contra-Reforma.

4) O Romantismo, graças à ideologia dominante e a um complexo conteúdo artístico, social e político, caracteriza-se como uma época propícia ao aparecimento de naturezas humanas marcadas por egocentrismo, hipersensibilidade, alegria, descontração e crença no futuro.

5) Os romances realistas pretendem estudar as classes mais baixas da sociedade, confirmando que o indivíduo acaba adquirindo aspectos animalescos diante da engrenagem social a que está submetido.


Escrito por Cris às 21h12
[   ] [ envie esta mensagem ] [ ]




Jornalismo mais isento

Quer ler notícias e artigos mais isentos e com um olhar mais crítico? Procure nos links o "Conversa afiada" e "Vi o mundo".

Escrito por Cris às 08h11
[   ] [ envie esta mensagem ] [ ]




Clatice Lispector e João Guimarães Rosa

Veja links a respeito dos assuntos.

Escrito por Cris às 17h50
[   ] [ envie esta mensagem ] [ ]




Carlos Drummond de Andrade

Veja link do assunto.

Escrito por Cris às 17h40
[   ] [ envie esta mensagem ] [ ]




Graciliano Ramos

Veja o link sobre o assunto.

Escrito por Cris às 17h19
[   ] [ envie esta mensagem ] [ ]




Fernando Pessoa e heterônimos

Veja link a respeito.

Escrito por Cris às 23h03
[   ] [ envie esta mensagem ] [ ]


[ página principal ] [ ver mensagens anteriores ]


 
Histórico
Outros sites
  UOL - O melhor conteúdo
  BOL - E-mail grátis
  Cantiga de amigo
  Trovadorismo moderno
  Análide do Auto da barca do inferno
  Combate: Camões X Pessoa
  Mudam-se os tempos
  Propaganda com soneto de Camões
  Carta de Caminha
  Carta de Caminha - texto integral
  Anchieta
  Barroco em Portugal
  Gregório de Matos
  Barroco em imagens
  Trailler sobre o Barroco
  Arcadismo (Brasil e Portugal)
  Arcadismo moderno
  Análise de poema (Cláudio Manuel da Costa)
  Manuel Bandeira - biografia e características
  Pessoa e heterônimos
  Graciliano Ramos
  Carlos Drummond de Andrade
  Clarice Lispector
  Guimarães Rosa
  Conversa afiada
  Vi o mundo
  Romantismo
Votação
  Dê uma nota para meu blog